{lang: 'en-US'}

domingo, 19 de abril de 2020

Resenha #139: "Cipó dos Mortos" (2019) - Voodoopriest

Hoje, 19 de abril, é o Dia nacional do Índio. Uma data que, como muitas outras, não temos motivos para comemorar, pelo contrário, a população indígena no Brasil passa por um processo histórico de etnocídio que só se intensifica dia após dia, porém para não deixar tal data passar despercebida, apresentamos a resenha de um trabalho que completa hoje um ano do seu lançamento e figurou na nossa lista de melhores de 2019, o segundo trabalho do Voodoopriest o "Cipó dos Mortos"



O mais interessante desse trabalho é que as mudanças não afetaram diretamente a proposta da banda. A saída de Vitor Rodrigues dos vocais foi resolvida com Bruno Pompeo assumindo o posto, além de atuar nos graves da banda, e ele se saiu muito bem, lembrando os tempos do Agression Tales e indo mais direto na proposta da banda, aquela de ter influências na cultura brasileira, eles decidiram gravar todo o registro em português, o que na minha opinião ficou muito bom. 


Os vocais de Pompeo são mais voltados ao  'Death' Metal, o que fez o Voodoopriest ter esse estilo mais a frente, como em "Inteligência Artifical" e em "Vampiros Estrelares". Ao mesmo tempo, temos as típicas faixas, que foram feitas para ao vivo levarem o caos e o campo de guerra para a platéia, notório em SGS Sinistro Governo Secreto e Cabloco, pois têm uma levada de bateria matadora que é cortesia de Edu Nicolin do Anthares.

As linhas de guitarras executadas por César Covero e Renato de Luccas também estão bem inspiradas, ouça por exemplo Cipó das Almas que  tem cinco minutos de pura técnica apurada. Na Mandu e o Povo do Pó é feita a ligação com o primeiro trabalho, o excelente "Mandu". A cultura brasileira é riquíssima e sempre quando as bandas decidem ouvir suas raízes temos trabalhos de elevada magnitude, como é caso do "Cipó dos Mortos".


TRACLIST
1) Comando Tronado
2) Inteligência Artificial
3) Sinistro Governo Secreto
4) Cipó das Almas
5) Caboclo
6) Mandu e o Povo do Pó
7) Mantra
8) Vampiros Estelares
9) Voodoopriest/O Cacique e o Cocar

FORMAÇÃO
Bruno Pompeo - Baixo e Vocal;
Covero - Guitarrra;
Renato De Luccas - Guitarrra;
Edu Nicolini - Bateria.

Contatos:
Email: kamakans.producoes@gmail.com
Instagran: 
voodoopriest.metal

Revisado por Carina Langa.

Total de visualizações

Baphomet

Baphomet

As mais lidas