Torture Squad: Hellbound – Dez anos das fronteiras do inferno sendo rompidas


A missão era complicada, afinal de contas o próximo trabalho teria que superar Pandemonium um dos trabalhos mais fortes não só da banda como de todo o metal nacional, então foi com muita expectativa que foi lançado Hellbound, e essa resenha vem comemorar o primeiro decênio deste trabalho e de acordo coma atual vocalista da banda Mayara Undead esse é o seu álbum favorito da discografia da banda, ouvindo o mesmo da para saber porque.

Na época o Torture era composto por " Vitor Rodrigues (voz), Castor (baixo), Amílcar Christófaro (bateria) e Maurício Nogueira (guitarra ) sendo que a cozinha ainda continua na formação do Torture.

O trabalho abre com a intro "MMXII" para quem não se ligou esse númeo é 2012 em algarismo romanos que de acordo com o calendário maia representava o fim de um ciclo e começo de um novo, o que foi mal interpretado como apocalipse, vale dizer que nessa orquestrações temos a presença de Fabio Laguna (Hangar, Angra entre outros), como já disse aqui algumas vezes não curto intros mas essa faz bem o papel de abrir espaço para Living For the Kill que refrão e as paradinhas ao longo da música são brutais 


"The Beast Within" na minha opinião é um dos melhores trabalhos do vocal de Victor,e Mayara conseguiu não copiar pelo contrario colocou suas personalidade ficou muito bom, com elementos do Thrash, já em The Fall Of Man vai na linha mais Death Metal mostrando o poderio da banda.

Se fosse preciso apresentar apenas uma musica desse álbum com certeza seria Chaos Corporation que foi sabiamente escolhida como single, uma musica perfeita para a destruição de seu pescoço.

A ideia não é dissecar o álbum faixa a faixa, o que seria muito cansativo para quem está lendo mas vale dizer que não podemos deixar de fora In The Cyberwar com sua levada mais cadenciada e The Four Winds outro belo interlúdio. 

Elementos orientais aparecem na faixa titulo e conseguem de forma bem harmônica se relacionarem com o Thrash, fazendo o trabalho encerrar nos deixando impressionados.

Para encerrar de forma épica, "Hellbound" conta com a participação de Fábio Golfetti (Violeta de Outono) no começo da música, fazendo o som da cítara. O clima oriental dá lugar a partes bem cadenciadas, com riffs e palhetadas muito boas e, a partir do meio, o Thrash cai como uma bomba para encerrar o disco com a energia lá em cima.

Tal trabalho deve ser sempre bem reverenciado por isso que atualmente a banda esta tocando o mesmo na integra e estaremos em uma dessas apresentações então fiquem atentos no Underground Extremo. 



Track List:
1. MMXII (Intro)
2. Living for the Kill
3. The Beast Within
4. The Fall of Man
5. Chaos Corporation
6. Man Behind the Mask
7. In The Cyberwar
8. Twilight for All Mankind
9. The Four Winds (Instrumental)
10. Hellbound

←  Anterior Proxima  → Página inicial

Total de visualizações

Baphomet

Baphomet

As mais lidas