{lang: 'en-US'}

domingo, 30 de outubro de 2016

Cobertura #03: Sepultura - No dia dos professores, uma aula de 'Thrash' metal

15 de outubro! Uma data que ficará por muito tempo na memória dos 'bangers' catarinenses. Isso porque presenciamos na cidade de Içara/SC um dos 'shows' da maior banda de metal brasileiro. E este não foi apenas um 'show' comum e sim uma comemoração dos 30 anos de carreira.

Inegável que existiram altos e baixos, mudanças de formações e divisão da legião dos fãs, mas tendo uma visão mais otimista, porque não acreditar que ao invés de perdemos uma grande banda, na real ganhamos mais duas, com a formação do Cavalera Conspirancy e do Soulfly, que inclusive já tocaram por aqui em SC nos últimos anos. 

A casa Colher de Chá mostrou-se um espaço adaptado para receber um 'show' do porte do Sepultura. Se esse foi um teste para eventos maiores, podemos dizer que a casa passou com louvor com o apoio do empreendedorismo e garra da Pisca Produções, que sempre está envolvida em grandes eventos aqui na nossa região. 

Abrindo os trabalhos tivemos o Enemy representando o HC. Um fato muito legal é a presença cativa de bandas de HC nos festivais de metal, mostrando que a união é o caminho para o fortalecimento da cena. Não conhecia o som da banda, mas curti bastante o trampo dos caras, como a faixa Ácido, segue ai o link do Soundcloud para você conhecer o trabalho da banda de Criciúma/SC: https://soundcloud.com/enemycriciuma


Em seguida vem a apresentação da banda Nekrós, sendo que é uma banda que para quem acompanha nossa cena, dispensa apresentações! Com mais de uma década nas costas a banda faz um misto de 'Thrash' Metal mais cadenciado e extremamente virtuoso, com uma pegada que lembra muitas vezes Nevermore com um pouco mais de fúria. A banda executou sons autorais e mataram a pau com o 'cover' de Megadeth, a indispensável Symphony of Destruction, assim como ao homenagear Metallica com And Justice for All.


Pequenos acertos no palco principal e vem o Pisca com a sua já tradicional animação, apresentar a maior banda de metal do Brasil! E não demorou para Eloy Assumir a sua jaula, sim porque ele é um monstro, tocando da pena dos tambores, junto à ele, Paulo, Andreas e Derrick começaram o show sem muita piedade com Troops of Doom e Kairos. Mesmo sendo um 'show' comemorativo dos 30 anos, não faltaram músicas mais recentes, como a indispensável Convicted in Life e a faixa do agora recém batizado "Machine Messiah", I am the Enemy.


Claro que você vai no 'show' do Sepultura e quer ver clássicos, então tome atitude com Refuse Resist, Arise Propaganda, e Polícia. Foram mais de 20 músicas tocadas com a banda totalmente entrosada, Andreas brincando com 'riffs' famosos indo de Metallica, Iron Maiden e até Survivor com Eyes of Tiger na qual Derick arriscou uma capela.


Sem muitas palavras, Sepultura sempre será um nome a ser reconhecido, mesmo se você não gosta da banda atual é importante reconhecer que eles continuam fazendo um som de qualidade e por isso merecem nosso respeito.




Revisado por Carina Langa.

Total de visualizações

Baphomet

Baphomet

As mais lidas