{lang: 'en-US'}

quarta-feira, 10 de agosto de 2016

Resenha #24: "Beer Revolution" - Red Razor

Aprecie sem moderação 

Floripa, a ilha da magia, do alto astral e do 'Thrash' Metal... Sim, por mais que os estilos 'rastafári' aparentemente emanem dessa região, é da capital catarinense que desde 2011, vem surgindo um monstro faminto por cerveja e com vontade de moer muitos pescoços alheios, o afiadíssimo Red Razor.


Com a atuação contando com Felipe Ferreira na guitarra, Fabricio Valle em outra guitarra e no vocal, Gustavo Kretzer no baixo e Igor Thiesen na bateria, a banda conta em sua discografia com a demo “Shark Attack”, mas essa resenha dedica-se ao seu primeiro 'full' o "Beer Revolution", que foi lançado de maneira independente. Só que o trabalho aqui é tão bom, que gera a pergunta, onde estão as gravadoras e os selos que ainda não aproveitaram o potencial desses alcoólatras? 

Claro que o nome 'tankard' é uma relação fácil, sendo pelo gosto pelo derivados da cevada ou pelo bom humor, só que as influências sonoras ficam mais na casa do 'thrash' produzido na 'Bay Área', aquele mais veloz e cheio dos coros que dão vontade de levantar os punhos para o ar e cantar junto, bem na linha do Exodus e do Testament

Então vamos combinar o seguinte, você procura a banda, compra o CD e depois vamos ouvir juntos, ah, não esqueça a cerveja bem gelada! Vai lá, eu espero...

Voltou! Que bom, então vamos lá, primeiro lugar destaca-se essa capa do lendário Ed Repka, só o fato do cara ter feito um trabalho para banda já é um baita controle de qualidade, afinal de contas, ele não colocaria a arte dele em um trabalho ruim, certo? E que jogada colocar a ponte Hercílio Luz na marcha dos zumbis reivindicadores de 'ceva' e miolos!
Quando começa a rodar o CD temos a trinca Wish You Were Beer, Red Razor, e Shut Up And Mosh, três faixas de refrões irresistíveis, verdadeiros 'brainworks' que sairemos cantando pelo resto do mês. 
Alive tem uma pegada muito legal. Eis que 'thrashers' sabem falar sério, como em Controversial Freedom que conta com variações rítmicas, o que chama a atenção, mas o que seria de uma banda de 'thrash' sem as paradinhas mortais, bangeáveis e irresistíveis? Então tome Napalm Pizza e Temple of Lies, que fecha o trabalho .
Já perdi a contas de quantos 'shows' da Red Razor tive a chance de presenciar, e é sempre notável a evolução de toda a banda. Anote esse nome, pois os caras serão realidade do cenário logo, logo, aposto uma caixa de cerveja contigo!

TRACKLIST:
1) Wish You Were Beer
2) Red Razor
3) Shut Up and Mosh
4) Napalm Pizza
5) Alive
6) Beer Revolution
7) Controversial Freedom
8) Cancerous Prelude
9) Malignant Cell
10) Temple of Lies

FORMAÇÃO:
Felipe Ferreira - guitarra;
 Fabricio Valle - guitarra e vocal;
 Gustavo Kretzer - baixo;
Igor Thiesen - bateria.


Revisado por Carina Langa.

Total de visualizações

Baphomet

Baphomet

As mais lidas