Deathkult Warfest VI: Sons que não podem ficar de fora


Sábado 07 de março é a mais próxima data que marca a extinção do flagelo cristão, pois Pomerode (SC) receberá a sexta edição do Deathkult Warfest, dessa vez contando com bandas de Black Metal Death e Grindcore, o evento vem se consolidando como uma referencia para fãs de extremismo

Como é tradicional aqui do site vamos apresentar as bandas do fest e nossas apostas de sons que não podem ficar de fora

Kulto Maldito: quem conhece nosso trabalho aqui no site sabe o quanto valorizamos o Metal produzido na América Latina , por isso mesmo estamos felizes com a escalação do Kulto Maldito ao festival, pois essa horda tem nada menos que 18 anos de serviço ao Underground, com três full e varias demos a banda boliviana irá trazer para santa catarina hinos de profanidade como: Cerdos Cristianos, Profanador e Soldado del Diablo.


A Sacrilegium é uma instituição do Death Metal catarinense, a horda que antes atendia por Unholy Empire formou sem em 2002 e em 2011 tiveram uma pausa, retornando aos palcos agora em 2019 eles devem apresentar sons da sua primeira demo “Blasphemy Forever”. Entre elas meu som favorito Under the Eyes of Satan.

Offal é sinônimo de musica repulsiva, de elevado ofensa e muito mais muito gore a banda paranaense tem três trabalhos lançados sendo muito difícil apontar qual seria o meu favorito mas vamos de Macabre Rampages And Splatter Savages, sendo seu ultimo trabalho Horrorfield, de 2016 , dos sons que não podem ficar de fora a lindíssima Trial of the Undead, ao lado do Flesh Grinder  e o Insepsy o Offal faz parta da pútrida trindade do gore nacional. 


Infernal War 666: Acompanhando a cena extrema catarinense você irá deparar com o nome Infernal, horda formada no ano de 1998 que teve sua jornada até 2002, até que forma se a Infernal war 666, mantendo a tradição do Metal Negro eles possuem dois full o mais recente é Venomous Eternally / Satanic Truth que contem um cover para Orgasmaniac do grande Osculum Obscenum, dos sons que não podem ficar de fora minha indicação é I Don't Fear Your Wrath, Jehova



Héia pode se orgulhar de ter gravado registros seminais para a historia do metal negro brasileiro entre eles um destaque para o opus Magia Negra, atualmente a banda vem divulgando seu mais recente registro Maldicion De La Serpiente”, um ao vivo onde eles se provam como uma horda de honra e força. Dos sons que não podem falta eu indico Magia Negra e A face do mal.


Revocate: Power trio de Death Metal da cidade de Rio Negrinho, a banda já participou de edições anteriores do fest, composta por: Marcio Camargo - Guitarra/Vocal, Eduardo Monster – Baixo e José Sepka – Bateria, apresentam fidelidade ao death metal old school totalmente anti posers , como você pode comprovar na fudida The Hammer of Death 


Orthostat:  banda de Jaragua do Sul formada em 2015, o grande diferencial no seu Death Metal é o nviel técnico e suas letras que buscam nas civilizações antigas e as guerras que sempre marcaram a historia da humanidade, em 2016 a banda lançou o seu EP 'Into the Orthostat e dois ano depois saiu o seu primeiro full “Monolith of Time”, desse trabalho se encontra minhas favoritas como a faixa que batiza o nome da banda e The Will of Ningirsu.



←  Anterior Proxima  → Página inicial

Total de visualizações

Baphomet

Baphomet

As mais lidas

Postagem em destaque

Underground Extremo: O Portal da Música Extrema

Hail Headbangers! Finalizamos 2019 como um ano muito significativo para todos nós do Underground Extremo . Em termo de números, chegamos a ...