"Carnacaos" – Bloco Antifascista

Sábado, 15 de fevereiro no Hangar - Casa do Ócio em Curitiba/PR, teremos o primeiro grito extremo de carnaval ou melhor dizendo o Carnacaos. A chamada do bloco antifascista, além de trazer quatro bandas, terá uma campanha de arrecadação de ração para ONG DNA Animal.


Como é tradicional do nosso site, vamos fazer uma apresentação das bandas presentes no evento e fica nosso convite para que os 'bangers' do Paraná compareçam, pois além de auxiliar uma causa legítima, você estará assistindo quatro bandas brutais.

Decadência:
Já falei dela no texto do Araucária Metal Fest. Sou fã desse 'duo' de 'crust', 'folk', forró do capeta. De uma maneira única eles conseguem fazer um som extremo com letras em português, como no 'single' Vamos Todos Para O Inferno que é um hino já, e no trabalho O Início Do Fim. Atualmente é formada por Gustavo Toscan da Silva (acordeão e vocal) e Mateus Pedroso (bateria).


Atrocitus:
'Death' Metal Paranaense com uma pegada na velha escola totalmente extrema. Formada no ano de 2018 e foi nesse período que lançara o seu primeiro 'single' "Epitaph", e agora, em 2020, a banda deve lançar o EP "Human Plague". Vamos nos preparar para uma devastação sem limites.


Red Razor:
Aqui estamos falando da banda que lançou o melhor trabalho de 'Thrash' metal de 2019 na nossa opinião, a Red Razor é aquela banda que já assistimos mais de 15 vezes nesses últimos anos e a cada show temos aquela sensação de como esses caras conseguem fazer algo tão intenso. Subindo nos palcos eles decidem castigar os pescoços de todos os presentes com Beer Revolution e The Revolution Continues. A Red Razor não é mais uma promessa e sim uma realidade da nossa cena, tempos violentos pedem música agressiva.


Eskröta:
"Cenas Brutais" está chegando, esté será o primeiro 'full' da Eskröta e ele teve a sua capa revelada recentemente nos deixando com 'hype' elevado. Para quem não conhece, a Eskröta é um 'power' trio formado por Tamy (baixo), Yasmin Amaral (vocal e guitarras) e Jhony França (bateria). Desde o seu primeiro EP "Eticamente Questionável", a sua mensagem foi dada, fascistas, machistas e misóginos o 'underground' não é para vocês!



Revisado e editado por Carina Langa.
←  Anterior Proxima  → Página inicial

Total de visualizações

Baphomet

Baphomet

As mais lidas

Postagem em destaque

Underground Extremo: O Portal da Música Extrema

Hail Headbangers! Finalizamos 2019 como um ano muito significativo para todos nós do Underground Extremo . Em termo de números, chegamos a ...